Principais vantagens da homeopatia para crianças

 Em Geral

A homeopatia para crianças e adolescentes tem sido cada vez mais escolhida para tratar problemas físicos e psicológicos. Afinal, assim como ocorre com os adultos, o organismo e emoções de pessoas bem jovens estão sujeitos a uma série de alterações que desequilibram a saúde.

 

Benefícios da homeopatia para crianças e adolescentes

O tratamento homeopático oferece diversas vantagens. Crianças e adolescentes usufruem de resultados altamente positivos ao usarem esses medicamentos. Vejamos quais são.

 

É possível prevenir diversas doenças

Uma das características da homeopatia para crianças e adolescentes é que esta abordagem terapêutica tem caráter curativo e preventivo.

Ou seja, além de ela atuar nas causas e sintomas da doença manifestada no momento, ela age no organismo como um todo para evitar que outros problemas apareçam.

Esta capacidade de prevenção favorece tanto o bem-estar físico quanto o emocional, fazendo que o paciente ganhe saúde de maneira consistente.

 

O organismo se reequilibra integralmente

A função do medicamento homeopático não é somente tratar um determinado problema.

De acordo com as características e condições particulares apresentadas por cada criança ou adolescente, o médico homeopata prescreve uma fórmula capaz de ajudar no reequilíbrio geral. Este fator proporciona contínuos resultados positivos ao longo do tempo.

 

São tratadas questões físicas e psicológicas£

Crianças e adolescentes são mais suscetíveis ao impacto das emoções no corpo. Isso acontece porque elas não conseguem identificar exatamente o que está ocorrendo no âmbito psicológico e possuem natural dificuldade em lidar com os desafios do dia a dia.

Por isso, é cada vez mais comum que eles apresentem uma série de sintomas físicos decorrentes de questões emocionais. Ao abranger estes dois fatores (físico e emocional), é possível obter excelentes resultados durante o tratamento.

 

Os custos são menores

Os remédios homeopáticos são bem mais acessíveis se comparados aos medicamentos convencionais. Além de economizar no momento de comprar o remédio, há a vantagem de que os homeopáticos duram um tempo maior.

 

Ausência de efeitos colaterais

Da mesma forma que adultos sofrem com efeitos colaterais de medicamentos convencionais, o

mesmo pode ocorrer com crianças e adolescentes. A homeopatia evita estes desconfortos, já

que as fórmulas homeopáticas não causam efeitos colaterais.

 

O paciente recebe bastante atenção

Uma das maiores diferenças da homeopatia com relação aos demais tratamentos é o nível de atenção que o paciente recebe. Durante uma consulta com o médico homeopata, são feitas diversas perguntas buscando identificar com detalhes as condições atuais do paciente.

Essa atenção especial faz toda diferença para que as crianças e adolescentes consigam expor situações que estão prejudicando a saúde.

 

A homeopatia para crianças e adolescentes trata quais problemas?

Por mais que a homeopatia seja recomendada em diversas situações, há aquelas nas quais este tipo de tratamento é ainda mais comum. No caso de crianças e adolescentes, os medicamentos homeopáticos são muito recomendados para os casos de:

  • Alergias;
  • Asma;
  • Sinusite;
  • Laringite;
  • Faringite;
  • Otite (infecção do ouvido médio);
  • Problemas e alterações digestivas;
  • Desconfortos relacionados à erupção dentária;
  • Ansiedade;
  • Depressão;
  • Sobrepeso e obesidade;
  • Disfunções na glândula tireoide;
  • Baixa defesa imunológica com infecções recidivantes;
  • Transtornos do comportamento.

 

Vale lembrar que a realização de um tratamento homeopático não elimina a necessidade de contar com acompanhamento de outros especialistas. No caso de pacientes que estão sofrendo com depressão ou ansiedade, por exemplo, continua sendo essencial o acompanhamento com psicólogo.

 

Por que tantas pessoas estão procurando a homeopatia?

Por se tratar de um tratamento natural, a homeopatia não gera complicações para outras áreas do organismo. Os medicamentos podem ser utilizados por longos períodos sem que isso gere desconforto.

Outra questão é o acompanhamento mais detalhado e humano. O foco do médico homeopata não é somente tratar a doença, mas sim, cuidar de forma completa do paciente.

Se uma criança ou adolescente apresenta problemas respiratórios ou alérgicos, por exemplo, é essencial investigar as causas. O nível de atenção recebido durante o tratamento homeopático é um dos motivos da crescente procura por essa abordagem terapêutica.

 

Como é feito o tratamento homeopático?

Para quem se interessa em homeopatia para crianças e adolescentes, o primeiro passo é consultar um médico homeopata. Este é o profissional responsável por cada etapa do tratamento, o que inclui avaliação do paciente, solicitação de exames, prescrição do medicamento e contínuo acompanhamento.

Como mencionamos, a consulta com este médico é bem mais detalhada que aquelas

convencionais. No mínimo, cada consulta com um homeopata dura 60 minutos. Ouvir as

crianças e adolescentes com atenção faz toda diferença para atuar de forma assertiva nas

causas do problema.

 

A fórmula contida no medicamento de homeopatia é individualizada. Essa composição não depende somente da doença a ser tratada, mas de uma série de outros fatores relacionados às condições físicas e psicológicas do paciente.

É por isso que, mesmo apresentando exatamente uma mesma doença e sintomas, não é possível usar um medicamento homeopático indicado para outra pessoa.

Com relação à composição da fórmula, os medicamentos homeopáticos são elaborados somente com elementos naturais. São utilizados extratos minerais, vegetais, de origem animal ou sintéticos. Tais itens são diluídos em água ou álcool.

A duração do tratamento depende da reação do organismo de cada paciente e também de

fatores ligados às emoções. De forma geral, cada pessoa tem um tempo próprio para responder

ao efeito positivo do medicamento. E este tempo natural deve ser respeitado.

 

Como escolher um médico homeopata? 

Ao optar pelo tratamento de homeopatia para crianças ou adolescentes é preciso considerar algumas dicas ao escolher o médico responsável pela avaliação e acompanhamento.

 

Experiência com atendimento a crianças e adolescentes

É essencial que o médico homeopata tenha sólida experiência com atendimento a crianças e adolescentes. Este fator facilita no momento de identificar o que pode estar gerando a doença ou alterações orgânicas apresentadas.

 

Esclarecer dúvidas

Antes e durante a consulta é de suma importância esclarecer possíveis dúvidas, principalmente no caso de pessoas que nunca fizeram este tipo de tratamento ou não conhecem a homeopatia.

Deseja saber mais informações sobre o tratamento de homeopatia para crianças ou adolescentes? Entre em contato conosco. Será uma honra esclarecer suas dúvidas e oferecer todo apoio necessário para a avaliação e acompanhamento.

 

Posts recentes

Deixe um comentário